A indústria automotiva se enquadra nessa categoria, mas empresas, universidades e organizações sociais estão trabalhando para mudar isso. Com programas educacionais de STEM (Science, Technology, Engineering and Math - Ciências, Tecnologia, Engenharia e Matemática) que ligam os estudantes aos principais fabricantes e fornecedores de automóveis da atualidade, juntamente com generosas doações de empresas como a Omron, que coloca equipamentos de ponta diretamente nas salas de aula, os jovens de hoje saem mais bem preparados.

Estudantes da Hartland High School visitam o Detroit Proof of Concept Center da Omron 

Como parte de seus esforços para atrair talentos, a MICHauto (a única associação automotiva, de mobilidade e de cluster de tecnologia do estado de Michigan, EUA) fez parceria com a Square One Education Network para identificar e engajar alunos do ensino médio na região de Detroit e no estado. Através de exploração de carreira, presencial e virtual, de empresas automotivas e de mobilidade, além de apresentações de especialistas do setor, os Discover Auto Tours ensinam os alunos sobre o setor e sua tecnologia, e promove diversas opções de carreira. A Hartland High School participou da primeira turnê presencial desde 2020, que ocorreu no Detroit Proof of Concept Center (PoCC) Omron em Novi, Michigan (EUA).

Nossos engenheiros no PoCC deram aos alunos uma demonstração das últimas tecnologias de automação voltadas ao setor automotivo, incluindo os robôs móveis autônomos (AMRs). O pessoal de vendas e marketing da Omron também falou sobre como é trabalhar na indústria, dando dicas de cursos para carreiras na área de STEM em engenharia e manufatura.

O que as empresas automotivas estão procurando na força de trabalho

Tendências como o rápido desenvolvimento tecnológico, preocupações com sustentabilidade e o advento dos veículos elétricos estão influenciando a maneira como as empresas automotivas contratam sua próxima geração de funcionários. À medida que os próprios veículos se tornam cada vez mais complexos, as empresas procuram funcionários altamente flexíveis que possam adaptar-se facilmente às novas soluções de manufatura automotiva.

A automação promete continuar revolucionando o chão de fábrica automotivo, e os funcionários precisarão aprender a trabalhar com — e, em alguns casos, diretamente com — tecnologias como robôs colaborativos, robôs móveis e afins. Quando os jovens adquirem familiaridade com essas tecnologias antes do primeiro dia de trabalho, tudo fica muito mais fácil.

Você é um universitário recém-formado interessado em conquistar uma carreira na área de automação, incluindo na indústria automotiva?

Recursos recomendados